Portal Mossoró Notícias mostra dados da Segurança Pública de Mossoró em 2015


Número de homicídio tem queda de 17% em 2015 (Foto: Caio Vale/Mossoró Notícias)
Iremos mostrar todos os dados da Segurança Pública de Mossoró no ano de 2015, desde dos, Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), como de apreensões. Os dados tem como fonte, apreensões feitas pela Polícia Militar (2ºBPM e 12ºBPM) e Guarda Civil Municipal (GCM).

Homicídios - Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI)

Mossoró registrou no ano de 2015, 163 Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), 31 crimes a menos que no ano de 2014, uma redução de 17%. Dados, mostram que no ano de 2015, apenas os meses de Janeiro, Julho e Novembro tiveram homicídios acima do mesmo período em 2014.

Para secretaria, os meses tiveram crescimento devido, a festividades e euforias dos jovens e adultos. 

O bairro mais violento em 2015, foi o Santo Antônio, que registrou 19 homicídios, 3 a mais, que o bairro Santa Delmira que ficou em segundo.

Neste ano, morreu mais jovens, do que adulto. Levantamento mostra que na maioria dos caso, teve como características a execução sumaria, seguida de tráfico e envolvimento com drogas, e rinchas de gangues.

Divisão de homicídios por Etnias

Se dividimos os Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), por etnias, mostraremos, que foram mortos mais pardos do que negros, e brancos.  

As pessoas negras e pardas continuam no ranking de vítimas acometidas por esse tipo de crime. Reflexo do processo histórico de ausência de políticas de inclusão direcionadas para esse público. Residentes, boa parte, em bairros periféricos desprovidos de infraestrutura básica e social, sofre os reflexos imediatos desse processo. 

Reflexos estes que transcendem a região dos aglomerados subnormais e vão se espalhar por distintas esferas geográficas da cidade, fazendo novas vítima.

Como morreram

Muitos desses óbitos têm a arma de fogo como o principal instrumento utilizado na consecução desses crimes, com mais de 80% dos casos. Porém o uso de arma branca vem crescendo no ano, com posições de crescimento.

Observa-se que esses instrumentos tiveram presente em maioria das mortes violentas cometidas em via pública tanto a arma de fogo, quanto a arma branca, podemos destacar os bares e festas como cenário de muitas dessas mortes.

Apreensões de veículos em 2015

A Polícia Militar, junto com a Guarda Civil Municipal, recuperaram em 2015, 379 veículos, sendo 314 motocicletas e 65 carros. Abaixo, o gráfico dos veículos recuperados e levados para Delegacia de Plantão entre os meses de Janeiro a Setembro.


Pessoas presas e levadas para Delegacia

Em 2015, a maioria das prisões feitas pela segurança pública, foram pelo crime de furto e roubo, tendo 162 casos registrados na Delegacia de Plantão, em seguida o crime de porte ilegal de arma, mostra um índice elevado de quase 8 armas apreendida por mês. Abaixo, o gráfico onde mostra todas as ocorrências registrada de apreensões de pessoas durante o mês de janeiro a setembro. 


Armas apreendidas

Em 2015, foram apreendidas 121 armas de fogos entre janeiro e Dezembro. A maioria das armas apreendias são os revolves, como mesmo é também a arma mais usada nos crimes de homicídios na cidade. Entre os meses de Janeiro e Outubro, foram apreendidos 51 revolver calibre 38, 15 do calibre 32 e 2 do calibre 22. Totalizando 68 revolver apreendido. Abaixo, o gráfico onde mostra o quadro de apreensões feitas mensais entre Janeiro e Setembro.


Bairros violentos
Confira a lista dos bairro mais violentos de Mossoró nos últimos quatro anos, 2012 à 2015.


Obs. Os dados podem haver alterações durante o dia.

Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário