Petroleiros no RN aprovam greve de cinco dias a partir desta sexta


A greve de cinco dias, que poderá ser deflagrada a qualquer momento, a partir desta sexta-feira, (29), foi aprovada pelos petroleiros do Rio Grande do Norte na manhã da última quarta-feira,(27), na sede administrativa da Petrobrás, em Natal. A sessão deliberativa que finalizou o processo estadual de consulta reuniu 178 participantes.

Segundo o Sindicato dos Petroleiros e Petroleiras do RN (Sindipetro/RN), totalizados resultados das bases no estado, a Assembleia Geral Extraordinária contabilizou 81,2% dos votos de trabalhadores e trabalhadoras favoráveis à greve, 8,2% contrários e abstenção de 10,6%.

Na última terça-feira, (26), os petroleiros de Mossoró promoveram um protesto em frente à Base-34, interditando a BR-304 nos dois sentidos. O ato contou com o apoio de diversas entidades sindicais e populares, e sinalizou o descontentamento social com as ameaças ao patrimônio da companhia.

Em Canto do Amaro, um dos maiores campos terrestres de petróleo do Brasil, os trabalhadores e trabalhadoras lotados naquela unidade reuniram-se novamente para trocar opiniões sobre a organização do movimento.
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário