Soldado Jadson emite nota após ser expulso de solenidade em Mossoró


O vereador Soldado Jadson, emitiu uma nota na tarde desta terça-feira (12), sobre impedimento de participar de encontro com militares de mossoró na manhã de hoje com o Secretário de Segurança Pública.

Confira a nota abaixo: 

Venho por meio desta comunicar que na manhã desta terça (12) compareci à Estação das Artes Elizeu Ventania para, como de costume, acompanhar e também colaborar nas discussões por ocasião da visita do secretário de segurança pública do RN, general de exercito Ronaldo Lundgren, em solenidade com policiais militares. Ocorre que para minha surpresa, minutos antes de iniciar o ato, fui informado por um oficial que por ordem do general eu teria que me retirar. E o que é pior, quando já me encontrava na parte externa fui chamado até o palco das autoridades aonde o próprio, perante todos os presentes, reforçou o pedido para minha retirada.

Confesso que me surpreendi e ainda não compreendi a razão para tal. Servi com orgulho e enverguei a farda da Polícia Militar do Rio Grande do Norte por doze anos, sempre estando à vontade nas formaturas da caserna. Participei de inúmeros movimentos reivindicatórios que, dentre outros problemas, denunciaram a falta de promoções como descaso histórico para com a categoria. Algumas demandas ainda persistem como a questão da indefinição de carga horária, estatuto e código disciplinar ultrapassados para a atual realidade.

Por fim, deixo claro que a atitude deselegante não nos fará desanimar na missão de continuar representando os profissionais da segurança pública, seja através de nossa atividade parlamentar ou por meio de apoio às entidades representativas. Talvez o episódio seja mais uma tentativa de quererem descredenciar nosso trabalho perante as categorias, mas que em verdade servirá como estímulo para lutarmos ainda mais por respeito e valorização destes homens e mulheres que mesmo sem as devidas condições resistem bravamente na missão de salvaguardar nossa sociedade.

Atenciosamente,

Vereador Soldado Jadson. 

Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário