Técnico do Potiguar evita falar em vantagem em duelo com Serra Talhada


Motivos não faltam para atestar o favoritismo do Potiguar para o jogo deste domingo, (03), diante do Serra Talhada, pela quarta rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

No jogo de ida, o alvirrubro mossoroense goleou o mesmo adversário por 3x0 e, ainda assim, o time pernambucano sofre com vários desfalques e não luta mais pela classificação para a próxima fase.

Para completar o cenário favorável, a partida será no estádio Leonardo Nogueira, diante do torcedor alvirrubro.

No entanto, o técnico Emanoel Sacramento evita falar de vantagem. Aliás, a palavra favoritismo não faz parte do dicionário do clube.

“Nada disso (favorito), até porque quando entramos na disputa nós não éramos favoritos para classificação. Então, temos que manter os pés no chão, com humildade, e seguir trabalhando. Encaro esse jogo de domingo como uma final”, disse Sacramento.

“Não existe placar feito, como estão dizendo por aí. Precisamos trabalhar, ralar muito, para buscar o nosso objetivo na partida.”

Já o atacante Tiago Souza, que está voltando ao time titular, também não acha que o Potiguar seja favorito para o jogo. O atleta não se ilude com a crise de resultados e o momento ruim por que passa o adversário.

“Não é porque eles (Serra Talhada) venham de três derrotas e tenham desfalques o que coloca a gente na frente deles. Não é assim. Eles podem muito bem nos surpreender, assim como o fizemos lá na casa deles. Temos que entrar ligados e concentrados no jogo”, comentou.

Quanto ao time, o último ensaio aconteceu na tarde desta sexta-feira no estádio Nogueirão. O meia Ciel iniciou o coletivo entre os titulares, devendo ser ele mesmo o substituto de Giovanni, ganhando a concorrência com o nigeriano Yerien. Giovanni estará de fora da partida por ter sofrido uma fratura no antebraço no último jogo.

Já o meia Diego Upanema foi regularizado e poderá ser uma alternativa de jogo.

Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário