SESED se reúne com TRE para definir o plano de segurança para eleições 2016


A Secretaria Estadual da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) se reuniu na manhã desta quarta-feira (14) com representantes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) e órgãos de segurança para ajustar detalhes do planejamento das ações durante o período das eleições municipais deste ano.

Na reunião foram discutidos temas como atividades de escolta e custódia das urnas, acompanhamento de juízes e promotores em fiscalizações, além do policiamento externo e em locais de comemorações. No primeiro encontro ocorrido em agosto, a Polícia Militar anunciou a disponibilidade de 1.196 agentes de segurança para atuarem na região Metropolitana de Natal e 4.658 no interior. Também foi solicitado pelo Tribunal, o emprego das tropas federais em 86 municípios do RN.

O titular da Sesed, Ronaldo Lundgren, disse que todos os órgãos de segurança pública irão atuar em caráter extraordinário para garantir o sucesso da operação. “Nosso efetivo será empregado de tal modo que as ações diárias não sejam suspensas em função das eleições. Estaremos preparado para prevenir ou reprimir tumultos que possam antes do pleito, durante, ou mesmo nas comemorações dos resultados das eleições, de forma a coibir os excessos que possam perturbar a ordem”, declarou o secretário.

O presidente do TRE/RN, desembargador Dilermando Mota, reafirmou o apoio disponibilizado à Sesed para o cumprimento da operação. “Reafirmo que somos parceiros dos órgãos de segurança de fato e direito e estaremos recomendando aos juízes eleitorais, juízes de direito e ao Ministério Público que estejam próximos dos agentes de segurança de forma que todos os trabalhos sejam realizados de forma conjunta, da melhor maneira possível”, disse o presidente do TRE.

Uma nova reunião entre representantes da Sesed e TRE está agendada para ocorrer na sexta-feira (16), às 14h, no plenário do Tribunal, em Natal.
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário