Cotidiano

Senhora que teve casa invadida pela água na Lagoa do Mato constrói barranco na porta

Foto: Caroline Melo
A dona de casa Francisca das Chagas de Carvalho, moradora da Lagoa do Mato, teve sua casa invadida pelas águas da chuva na tarde desta segunda-feira, 13, e resolveu construir um barranco na porta de sua residência para amenizar os efeitos da enxurrada. A casa dela está localizada em um dos pontos críticos mapeados pela Prefeitura de Mossoró.

“Eu estou fazendo esse batente para evitar que a água entre de novo. Ontem (segunda) a minha área alagou e quase entrava dentro de casa. Entrou água também pelas brechas da parede que tem. Por isso resolvi fazer essa barreira”, disse.

Segundo Francisca das Chagas, ela não aguenta mais a situação e pretende o mais rápido possível se mudar. Ela mora no local há 24 anos. “A minha casa está cheia de rachadura e eu já coloquei na minha cabeça que vou me mudar daqui. Não aguento mais essa situação. Não tenho condições de reformar a minha casa que moro há vinte e quatro anos”, desabafou a senhora que mora atualmente com um neto e uma filha recém-separada. “Estou viúva há vinte e quatro anos e atualmente moro com um neto e uma filha que se separou”, concluiu.

Outro ponto destacado pela senhora é a desobediência por parte de alguns moradores que insistem em colocar o lixo no local o que ocasiona alagamentos quando chove na região. “Quando coloca lixo próximo a bueira, onde está minha casa, sempre alaga quando chove. As pessoas, mesmo a gente reclamando, insiste em colocar lixo lá. A Prefeitura limpou agora (ela interrompe a conversa para reclamar de uma pessoa que está colocando lixo no local) e as pessoas continuam colocando lixo. Por isso que ocorre essa situação.

Com informações Jornal de Fato

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.