Regional

Idoso é assassinado a tiros dentro de ambulância no RN; polícia inicia investigação


A Delegacia de Polícia Civil de Patu está investigando o homicídio do idoso José Etelvino da Silva, 67 anos, morto quando estava dentro de uma ambulância a caminho de Natal, na madrugada desta quinta-feira (30).

O idoso foi atingido por disparos de pistolas e espingardas, provavelmente por engano. Uma neta da vítima, que acompanhava o avô foi atingida por disparos na perna e levada para Mossoró. José Etelvino da Silva estava fazendo tratamento para combater um câncer de próstata.

“Pelas características do crime, nós acreditamos que tinha sido uma execução e que o idoso foi morto por engano. Semanalmente, a ambulância de Patu estava levando para Natal um homem envolvido com crimes e acreditamos que ele era o alvo.

Porém, na madrugada desta quinta-feira, ele não estava sendo conduzido na ambulância. No veículo estava o idoso José Etelvino, que ia fazer tratamento em Natal. Nós já ouvimos familiares e alguns vizinhos do idoso e descobrimos que a vítima não tinha processos e nem inimizades na cidade”, detalhou o delegado regional de Patu, Sandro Régis.

A ambulância foi interceptada, por volta de 1 hora desta quinta-feira, quando estava na BR 226 no Trevo do Contorno, sentido Messias Targino, por homens que estavam em outro veículo.

Primeiro os atiradores dispararam na ambulância ainda em movimento e atingiram a neta da vítima que estava no veículo. “O motorista da ambulância parou o carro e recebeu ordens para descer. Quando eles abriram a porta do veículo, viram a mulher e também ordenaram que ela saísse.


O idoso, que estava coberto por lençóis e entubado, foi alvejado por diversos disparos”, contou o delegado Sandro Régis. A Polícia Civil de Patu está a procura dos suspeitos e pede ajuda da população para localizar os atiradores. Denúncias anônimas, com garantia de sigilo, podem ser enviadas para o Disque-Denúncia 181.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.