Cotidiano

Agricultores familiares já se beneficiam com primeiras colheitas


A colheita resultante do plantio deste ano já começa a aparecer em algumas comunidades rurais de Mossoró. No Projeto de Assentamento Jurema, os agricultores já estão se beneficiando das primeiras vagens de feijão. A prefeita Rosalba Ciarlini esteve no local acompanhando a colheita e conversando com os agricultores.

Lá o agricultor João Nunes (Dão) plantou 16 garrafas de feijão no início do mês de fevereiro e começou a colher no final de março, contabilizando três sacas. “Deveria ser todo ano assim, a Prefeitura liberar o óleo cedo, para quando a terra tiver molhada a gente já plantar”, disse.

A prefeita Rosalba Ciarlini foi verificar o resultado do trabalho do corte de terra para a plantação de feijão e outras produções de sequeiro. “Seria um investimento inicial de 200 mil reais para o corte de terra, mas esse valor chegou a mais de 350 mil reais, que todos possam colher e tenham uma boa safra, porque assim ganham as famílias e ganha Mossoró”, afirmou.

A secretária executiva de Agricultura e Recursos Hídricos, Katherine Bezerra, disse que o feijão que brotou já serve de alimento para as famílias e que em breve pode gerar renda no campo. “São mais de 4600 famílias beneficiadas na Zona Rural de Mossoró. Foram investidos mais de R$ 350.000 pela Prefeitura em óleo diesel para fomentar a economia das famílias no campo”.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.