Cotidiano

Movimento Maio Amarelo será iniciado nesta quarta-feira


A Prefeitura Municipal de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito (SESEM), inicia nesta quarta-feira (3) o Movimento Maio Amarelo. A abertura será realizada às 9 horas com realização de palestra no auditório do SENAI.

Desenvolvido em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-RN), o movimento Maio Amarelo - Atenção pela Vida teve sua primeira realização em 2014 e trata-se de uma mobilização de várias entidades brasileiras que busca a conscientização para a redução de acidentes e para um trânsito seguro.

O mês de maio foi escolhido por coincidir com algumas comemorações voltadas para o trânsito como a Semana Mundial de Segurança do Pedestre, a Semana Global das Nações Unidas sobre Segurança no Trânsito e o lançamento da Década de Ação pela Segurança no Trânsito.

De acordo com a Gerência Executiva Municipal de Trânsito, entre as atividades previstas estão palestras nas escolas e empresas, concurso de redação, caminhada pela vida, implantação do projeto vida no trânsito e comandos educativos, além de blitz educativas nos bairros Alto de São Manoel, Santo Antônio, Aeroporto e Abolição III.

Dentro do público alvo da campanha estão motoristas, motociclistas, ciclistas, pedestres, funcionários de empresas parceiras, professores e alunos.

“O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre Poder Público e a sociedade civil, de colocar em pauta o tema acidente de trânsito e, mais do que chamar a atenção da sociedade sobre os altos índices de mortes, feridos e sequelados permanentes no trânsito no país e no mundo, mobilizar o envolvimento dos órgãos de governo, empresas, entidades de classe, associações, federações, sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que o tema exige nas mais diferentes esferas”, destaca Maribel Oliveira, da Unidade de Educação de Trânsito da SESEM.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.