Cotidiano

Vigilância Sanitária fiscaliza supermercados e estabelecimentos do setor alimentício


A Vigilância à Saúde, através da equipe de Vigilância Sanitária, tem realizado fiscalizações periódicas a estabelecimentos comerciais do ramo alimentício, de modo a assegurar a sanidade dos alimentos ofertados à população. Desde o início do ano, foram 87 estabelecimentos visitados pela equipe.

Foram 136 vistorias feitas pela Vigilância à Saúde neste ano, somente em supermercados, lanchonetes e comércios do setor de alimentos. “Às vezes, a equipe de Vigilância faz mais de uma vistoria em um mesmo estabelecimento. Por isso, o número de vistorias é maior do que o de estabelecimentos visitados”, explica o fiscal da Vigilância, Rômulo Fernandes.

Conforme a coordenadora da Vigilância Sanitária, Paula Sabrina, na fiscalização a equipe verifica a validade, a conservação e manipulação do alimento, entre outros requisitos técnicos que garantam a qualidade e segurança dos produtos. Verificada alguma irregularidade, o estabelecimento pode sofrer penalidades desde uma advertência até a interdição.

“Quando há pequenas pendências, que não comprometem a qualidade do alimento, a Vigilância dá um prazo para que o estabelecimento faça as adequações necessárias. Após alguns dias, a equipe retorna ao local e caso a pendência não esteja resolvida, a Vigilância poder dar um prazo menor, uma notificação ou um auto de infração, dependendo de cada caso", informa Paula Sabrina. Ele revela que em caso de o estabelecimento vistoriado apresentar irregularidades graves, ele é interditado. Neste ano, até o momento, nenhum estabelecimento foi interditado pelo Vigilância.

Paula Sabrina destaca que a Vigilância Sanitária tem realizado um trabalho contínuo de visitas a estabelecimentos que comercializam alimentos, no intuito de garantir a boa prática na produção e manipulação de alimentos, a fim de eliminar potenciais riscos de contaminação do consumidor por inadequações dos alimentos.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.