Cotidiano

Presidente do TJRN faz palestra para estudantes e anuncia melhorias para comarca de Mossoró


O presidente do Tribunal de Justiça do RN, desembargador Expedito Ferreira, foi um dos palestrantes da Conferência Especial da Escola de Direito, na segunda noite do 10º Congresso Científico da Universidade Potiguar, em Mossoró, na noite dessa quarta-feira (7). Também participou da conferência, no auditório do Campus Central da UnP na cidade, a procuradora-geral do Município de Mossoró, Karina Martha de Souza Vasconcelos.

O dirigente do Judiciário estadual adiantou aos estudantes de Direito que o TJRN irá digitalizar os processos da comarca de Mossoró. “Vamos abolir o papel, partindo para a virtualização”, frisou o desembargador ao dizer que sua administração vai investir na reestruturação do Judiciário potiguar, para melhorar o atendimento à população.

Também participando da apresentação das ações da Justiça do RN para melhorar a produtividade e a prestação do serviço, o juiz auxiliar da Presidência, João Eduardo Ribeiro, mencionou ao público como exemplo de ações concretas para dinamizar a gestão do Poder Judiciário a expansão da intimação por Whatsapp nos Juizados Especiais; a abertura de mais de mil vagas para estagiários de ensino médio, graduação e pós-graduação, com bolsas que vão de R$ 562,00 a R$ 1.874,00; implantação do projeto das secretarias unificadas, que na fase piloto vai começar pelas Varas Cíveis de Mossoró; a homologação do concurso para juiz leigo e o Prêmio de Produtividade.

Palestra

Em sua fala à comunidade acadêmica da UnP, o dirigente do Poder Judiciário potiguar enfatizou que a Justiça enfrenta um momento no qual recebe um grande chamado da sociedade em relação a sua responsabilidade institucional. Para o desembargador presidente, os tribunais têm à frente desafios que o momento impõe e mesmo assim precisa dar resposta urgente a velhos problemas e auxiliar na busca de soluções para o Estado e o país.

E para dar esta resposta, segundo o presidente do TJRN, a instituição desenvolve uma estratégica apoiada em critérios científicos, técnicos e impessoais. E a gestão do desembargador Expedito Ferreira, ele mesmo ressalta, está alicerçada na pedra angular que reúne na linha de ação: aumento da produtividade e a valorização de magistrados e servidores do primeiro e do segundo graus.

“A nossa primeira medida foi criar uma comissão especial para apresentar a minuta do projeto da nova Lei de Organização Judiciária”, pontuou o desembargador. O relatório final da comissão deve estar concluído e entregue à Presidência do TJ ainda em junho. Expedito Ferreira mencionou outras ações como a implantação de Secretarias Judiciais Integradas, a Contadoria Judicial, o Dimensionamento da Força de Trabalho e a Gestão Fiscal Efetiva.

Além dos palestrantes, participaram da solenidade, a diretora acadêmica do Campus Mossoró, Catarina Pinheiro, o diretor administrativo daquela unidade, Guilherme Daflon e a coordenadora do curso de Direito do Campus Mossoró, professora Vânia Furtado de Araújo.

O Congresso Científico da Universidade Potiguar deste ano tem o tema “Educação, Diversidade e Inovação: refletindo a sociedade tecnológica”.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.