Cotidiano

Projeto Crescer sem Violência trabalha com crianças e adultos na Cidadela


Dentro do espaço da Cidadela, o projeto Crescer sem Violência é uma ação idealizada pelo Canal Futura e realizada através de parceria com a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), Ministério Público e Prefeitura de Mossoró. O projeto é posto em prática através de ações que alertam sobre violência. Neste sábado, 17, está sendo trabalhado o tema: exploração sexual.

Os temas são expostos pelo Núcleo de Estudos e Ações Integradas na Área da Criança e do Adolescente (NECRIA). Os estudos têm participação de alunos das Faculdades de Serviço Social, Educação e Medicina da Uern. “Nosso público alvo é a criança, mas estamos alertando os pais, que as acompanham”, destacou Juliana Medeiros, aluna de Serviço Social.

Valquíria Maria, do Grupo de Atenção à Mulheres e Adolescentes (GAMA), da Faculdade de Medicina explicou que a equipe do Canal Futura realizou uma capacitação de três dias com os envolvidos. “Fomos capacitados sobre como detectar os tipos de violência, que às vezes são feitas de forma sutil, não só com nossas crianças, mas com o filho do vizinho, do coleguinha da escola. Vimos também os caminhos da denúncia”, disse.

Segundo Valquíria, a intenção também é divulgar o trabalho que é realizado na Faculdade de Medicina, em parceria com a Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM). “Temos todo o cuidado em receber mulheres que já passaram por algum tipo de violência e encaminhar para os procedimentos que devem ser feitos”, continuou.

O projeto segue com programações de diversos temas durante os dias de Cidadela no Mossoró Cidade Junina.


0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.