Polícia

Polícia Civil investiga vídeo que mostra jovens armados no interior do RN


A Polícia Civil de Areia Branca, município da região Oeste potiguar, investiga um vídeo que circula nas redes sociais mostrando jovens armados. Eles se apresentam como membros de uma facção criminosa e fazem ameaças a rivais

A investigação começou depois que a polícia recebeu o vídeo que circulava em redes sociais na manhã desta segunda-feira (10).

Ao todo, sete jovens são vistos nas imagens, com rostos cobertos por camisetas. Cinco deles exibem armas de grande porte, metralhadora e revólveres. O delegado titular de Areia Branca, Antonio Augusto, suspeita que a metralhadora seja de plástico.

"Ainda vamos nos deter mais aos áudios para buscar detalhes que possam facilitar a identificação desses criminosos", detalhou. Questionado, o delegado informou que não havia informações sobre guerra entre facções criminosas no município.

Segundo o Educleudes Marrocos, chefe de investigação, os suspeitos são adolescentes de Areia Branca e de Mossoró. "Estamos fazendo uma investigação preliminar para saber quem são essas pessoas e de onde elas são", informou.

O investigador explicou que, para abrir um inquérito, a polícia precisa da materialidade do crime e do autor. "No caso, temos a materialidade, que são as armas. Mas ainda não identificamos os autores do vídeo", pontuou.

Os criminosos poderão responder à Justiça por porte ilegal de armas, apologia ao crime e formação de quadrilha, informou o delegado. Qualquer pessoa pode fornecer informações que contribuam com a prisão dos suspeitos pelo telefone (84) 3332-5045. Não é preciso se identificar.




0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.